The Sporty Side Of My Life | O Lado Desportivo Da Minha Vida

I started playing sports around the age of 10. I was invited to go to an interview with Tanni Grey-Thompson, a former wheelchair athlete, she inspired me to start sports.

She was born with spina bifida and so was I, seeing what she had achieved and what sports she was involved in really inspired me to start.

After this interview, I really got stuck in to starting sports, this is when I joined wheelchair basketball, I went to a training session and have been playing ever since. I love it, I might not be at Paralympic level but I love the competitive side of it and it also helps me with my communication. I have met many people since starting sports which I am very lucky for making friends through sports.

After starting wheelchair basketball, I took up wheelchair tennis. I really enjoyed it, I played it for around 4 years and I was also given the opportunity to attend a wheelchair tennis camp. It was incredible seeing how people were playing at a higher level and very inspirational.

At this wheelchair tennis camp, I made some friends and improved my tennis skills, I also met a wheelchair tennis player, the best in Great Britain, Jayant Mistry. I didn’t continue to play for much longer but I did really learn a lot.

So I continued with wheelchair basketball and at the age of 22 I am still playing, a few years ago I started wheelchair racing.

Playing sports is a way of me building up my strengths and a way to help me be more confident. It also helps me with my communication skills.

My mum and dad have been really supportive in all the sports that I have decided to take part in and they have helped me in everything that I’ve needed in terms of training and encouraging me, which I am very thankful for.

Seeing someone else with a disability playing sports inspired me I hope that this also inspires you in some way.

With Love, Melissa x

————————————————

Comecei a praticar desporto por volta dos 10 anos. Eu fui convidada para ir a uma entrevista com Tanni Grey-Thompson, uma ex-atleta de cadeira de rodas, ela  inspirou me a começar a praticar desporto.

Ela nasceu com espinha bífida como eu, ver o que ela tinha conseguido e os desportos que ela estava envolvida realmente me inspirou a começar.

Depois desta entrevista, eu comecei a investigar qual era os desportos que eu podia fazer e onde, fui ai que eu entrei para o basquetebol de cadeira de rodas, eu fui a uma sessão de treino e tenho jogado desde então. Eu adoro jogar, eu posso não estar a nível paraolímpico, mas eu gosto muito do lado competitivo e também ajuda-me com a minha comunicação. Eu conheci muitas pessoas desde o início, sou muito sortudo por fazer amigos através do desporto.

Depois de iniciar o basquetebol de cadeira de rodas, eu decidi começar tĂȘnis em cadeira de rodas. Eu realmente gostei, joguei cerca de 4 anos e tambĂ©m foi me dada a oportunidade de participar num acampamento de tĂȘnis de cadeira de rodas. Foi incrĂ­vel ver como as pessoas jogavam num nĂ­vel superior e foi muito inspirador.

Neste campo de tĂȘnis em cadeira de rodas, eu fiz alguns amigos e consegui melhorar as minhas habilidades de tĂȘnis, tambĂ©m conheci um jogador de tĂȘnis em cadeira de rodas, o melhor na GrĂŁ-Bretenha o Jayant Mistry, eu nĂŁo joguei por muito mais tempo, mas eu realmente aprendi muito.

EntĂŁo eu continuei com basquete de cadeira de rodas e com a idade de 22 eu ainda estou a jogar, alguns anos atrĂĄs comecei a fazer corridas de cadeira de rodas. (wheelchair racing)

Praticar desportos para mim é uma forma de ganhar forças e uma maneira de me ajudar a ser mais confiante. Também me ajuda com minha comunicação.

A minha mãe e o meu pai, apoiaram me em todos os desportos que eu decidi participar, ajudaram me em tudo o que precisei em termos de treinos e a incentivar-me todos os dias. Agradeço muito aos meus pais sem eles eu não estaria a fazer todos os desportos que faço hoje.

Ver alguĂ©m com uma deficiĂȘncia a praticar desporto inspirou me , espero que isto tambĂ©m te inspire de alguma forma.

With Love, Melissa x

 

Facebook Comments

Recommended Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *